Foto: Polícia Civil/Divulgação

Receba as notícias de Agência GBC no WhatsApp

A Polícia Civil prendeu temporariamente no início da tarde desta quinta-feira (13), um homem de 24 anos, suspeito de matar a tiros Ederson Douglas Vieira, de 25 anos, no dia 21 de dezembro de 2021. De acordo com a polícia, a motivação do crime foi uma retaliação a um homicídio ocorrido momentos antes no interior de uma barbearia no bairro Parque Oásis, em Caxias do Sul.

Entenda o caso

Ederson Douglas Vieira foi encontrado morto dentro de um veículo Peugeot 206 (o qual estava em ocorrência de furto) próximo ao Viaduto Torto, na ERS-122, em Caxias do Sul, momentos depois de um tiroteio dentro de uma barbearia localizada na Avenida Bortolo Zanrosso, no Parque Oásis.

De acordo com testemunhas, dois homens encapuzados entraram na barbearia e efetuaram diversos disparos contra dois homens. O proprietário do local e um cliente, contaram que ouviram pelo menos 10 disparos de arma de fogo. David Vidor Geraldo, de 20 anos morreu na hora. A polícia relatou que Ederson, mesmo sendo atingido por alguns disparos, não se encontrava mais no local quando a guarnição chegou.

O automóvel com corpo de Vieira foi encontrado logo depois próximo ao Viaduto Torto.

Vieira apresentava ferimentos provocados por disparos de arma de fogo. No bolso de sua calça foi apreendido um carregador de pistola, calibre .380, municiado com 13 cartuchos. De acordo com o Major Carvalho da Brigada Militar, ele estava junto com os autores do crime na barbearia.

Ele já tinha passagens duas vezes por roubo a estabelecimento bancário, roubo a estabelecimento comercial, roubo de veículo, porte ilegal de arma de fogo, duas vezes por receptação de veículo e organização criminosa.