Polícia bota oito traficantes de facção na cadeia | Agência GBC
25.9 C
Canoas
02 de dezembro de 2022

Polícia bota oito traficantes de facção na cadeia

mais de 22 ordens judiciais foram cumpridas

Siga a Agência GBC no Instagram

Na sexta-feira (23), mais de 22 ordens judiciais foram cumpridas, sendo14 de busca e apreensão e 8 de prisão temporária. Nove pessoas foram presas, oito homens e uma mulher.

As prisões aconteceram após a Operaçao Ilusão, em Getúlio Vargas e Tapejara. A operação tem como objetivo desarticular uma organização criminosa responsável pelos crimes de lavagem de dinheiro e tráfico de entorpecentes.

Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Getúlio Vargas, deflagrou na manhã de

A operação é resultado de aproximadamente seis meses de investigações conduzidas pela DP de Getúlio Vargas com o apoio da DP de Tapejara. Segundo a apuração dos agentes, a organização criminosa era responsável por fornecer um grande volume de drogas para os dois municípios e região. A investigação apontou que variados tipos de entorpecentes (cocaína, maconha, crack e drogas sintéticas), oriundos da fronteira com o Paraguai, chegavam quase que na sua totalidade na cidade de Tapejara, onde eram manipulados e distribuídos para cidades vizinhas. Os criminosos também são suspeitos de manterem imóveis e uma garagem de veículos para a lavagem do dinheiro.

Dentre os presos, cinco foram ainda autuados em flagrante pelo crime de Tráfico de Entorpecente e Porte de Arma de uso restrito. Foi apreendida também uma pistola de uso restrito (seletor de rajada), uma grande soma em dinheiro, maconha e cocaína e documentação que comprovam possível lavagem de dinheiro. Os presos foram encaminhados ao Presídio de Getúlio Vargas.

A Operação Ilusão contou com a atuação de 92 policiais civis, oriundos da 11ª Delegacia de Polícia Regional de Erechim e 6ª Delegacia de Polícia Regional de Passo Fundo.

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!