Prefeitura de Nova Santa Rita interdita prédio de empresa que pegou fogo | Agência GBC
29.6 C
Canoas
29 de janeiro de 2023

Prefeitura de Nova Santa Rita interdita prédio de empresa que pegou fogo

O alvará de licença e localização da companhia foi cassado

Siga a Agência GBC no Instagram

A Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Desenvolvimento de Nova Santa Rita interditou na manhã desta segunda-feira (28) o prédio da empresa Dorf Ketal que foi atingido por um incêndio no dia 20 de novembro. O alvará de licença e localização da companhia foi cassado.

Segundo o secretário Moacir Serpa Godói, a medida foi tomada conforme preceitua a legislação de Nova Santa Rita. “Considerados os fatos registrados pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SMUDH), Defesa Civil e Secretaria do Meio Ambiente, que dizem respeito à falta de condições de segurança no prédio, devido ao incêndio ocorrido, tomamos essa medida”.

De acordo com o titular da SMUDH, Juliano Furquim, a medida foi tomada após análise técnica. “Através da nossa equipe de fiscalização, baseados no código de obras lei 887/2008, foi feita uma vistoria pelo engenheiro da prefeitura, que apontou significativo dano estrutural nas edificações. Diante dessa situação, foi emitido o Termo de Interdição afim de resguardar a segurança no local”.

Furquim detalha que a empresa apresentou a defesa, pelo Relatório de Sinistro e Ações de Mitigação bem como o Plano de Demolição das edificações, ambos com suas devidas Anotações de Responsabilidade Técnica (ART’s). “Diante disto, a SMDUH, emitirá o devido Alvará de Demolição e continuará fiscalizando as ações”.

Trabalho para evitar novos acidentes

A Defesa Civil acompanha todas as tramitações envolvendo o sinistro. O órgão interditou totalmente a empresa na semana passada, até que apresentasse os laudos e o plano de ação, para evitar outro tipo de acidente. “Estivemos no endereço e solicitamos uma série de documentação. Na sexta-feira (25) recebemos tudo o que foi exigido e, diante disso, estamos estudando o material entregue para que, se tudo estiver dentro do solicitado, façamos a liberação parcial da área atingida pelas chamas para remoção dos resíduos”, declara o coordenador José Murilo.

A Secretaria do Meio Ambiente, coordenada pelo titular da pasta, Leonardo Martins, também está acompanhando todo processo, desde domingo, junto com os(as) técnicos(as) da companhia e a Fundação Estadual de Proteção Ambiental Henrique Luís Roessler (Fepam) para mapeamento de possíveis danos ambientais. “Instalamos ainda na madrugada, barreiras de contenção para evitar que o líquido contaminado chegasse ao Rio do Sinos. Fizemos contato com os bombeiros e também com a Braskem, justamente para termos auxílio para evitar que a água fosse contaminada”. A Corsan, que tem um ponto de captação nas proximidades, também auxiliou no trabalho. “A Dorf Ketal contratou uma empresa privada, que também começou a coleta do produto e instalou barreiras de contenção.”

O titular da pasta detalha que o produto ficou enclausurado em um banhado que há nas proximidades e não se mexeu. “A Fepam sempre esteve presente, uma vez que fez o licenciamento ambiental da companhia. Nós ficamos prestando todo apoio e suporte”.

Martins pontua que o material está sendo recolhido pela empresa contratada e não chegou nenhum rescaldo no rio. A Corsan, através de nota, atesta que a qualidade da água está garantida.

“Vamos reforçar o pedido para instalação do Corpo de Bombeiros em nossa cidade”, diz Battistella

Em um terreno doado pela Prefeitura de Nova Santa Rita, na gestão do prefeito Rodrigo Battistella, está instalado o Centro de Motomecanização do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul. Por coincidência, o endereço é ao lado da companhia que pegou fogo no fim do domingo.

A localização estratégica da unidade foi fundamental no combate às chamas. “Os caminhões abasteciam seus tanques no hidrante que está instalado logo na entrada, isso foi fundamental para a agilidade no atendimento”, destaca o líder do Executivo. A Administração, recentemente, realizou a reforma do prédio, que recebeu pintura e a instalação de novas salas para o trabalho dos colaboradores.

Ainda quando secretário de Indústria e Comércio, Battistella batalha pela instalação de uma unidade em Nova Santa Rita. A cidade, segundo ele, está em pleno crescimento e abarca uma grande diversidade de empresas. “Temos novos condomínios, grandes players do mercado estão conosco e muitos chegando, precisamos que o Estado seja ágil e atenda essa demanda. Prezamos pela vida das pessoas e os bombeiros têm papel fundamental em caso de sinistro”.

De acordo com ele, o governo será – mais uma vez – cobrado. “É uma luta de muitos anos. Vamos reforçar o pedido para instalação do Corpo de Bombeiros em nossa cidade”. Na ocorrência do fim de semana, cerca de 70 bombeiros(as) atuaram diretamente no combate às chamas, entre eles militares e civis, além do apoio da Defesa Civil, brigadistas, Brigada Militar, Exército e empresas do município.

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!