A Polícia Civil está investigando o caso do pai que matou o filho de dois anos, em Garibaldi, na Serra. O crime ocorreu na madrugada desta quinta-feira (3). Inicialmente, a polícia divulgou que a criança tinha três anos.

Conforme a Polícia Civil, o homem de 39 anos foi visto andando nu em ruas próximas a residência em que vivia com o filho há, pelo menos, seis meses. Antes disso, ele teria matado a vítima com golpes de faca e, por fim, asfixiou a criança com uma sacola plástica na cabeça.

A criança foi encontrado por um vizinho que estranhou o comportamento do homem. Ele entrou na residência e encontrou o corpo “gelado”. A criança estava com ferimentos no peito.

O homem se entregou para os policiais assim que eles chegaram no local. Ele tinha a guarda da criança.

A delegada Deise Ruschel afirma que a criança possa ter sido sufocada. “O ferimento no peito possivelmente foi provocado por faca, mas suspeitamos que a criança também tenha sido asfixiada. A perícia irá determinar a causa da morte. Ainda desconhecemos a motivação do crime”, pontuou a delegada. No momento, o suspeito da autoria é o pai da criança, que tinha a guarda do menino há algum tempo.