Uma mulher matou a própria filha de cinco anos e arrancou os olhos e a língua da criança com uma tesoura. O crime aconteceu no domingo (24) no Povoado São Cristóvão, em Maravilha, no Sertão de Alagoas. A informação foi divulgada pela Polícia Civil apenas na última segunda-feira (25).

A Polícia Militar foi acionada e prendeu a mulher em flagrante. Ela foi encontrada rezando sob o corpo da criança.

Segundo a polícia, a acusada tem transtornos mentais. Não há informações, no entanto, se ela teria arrancado os órgãos da criança depois de matá-la. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para fazer a perícia e deve responder isso para a polícia.

A identidade da mulher e da criança não foram divulgadas.